Ainda usando o Winisis (CDS/ISIS)? Migre para o ABCD e importe seus dados sem perda de informações.

Após a importação dos dados do Winisis para o ABCD é feita a normalização do conteúdo para a nova plataforma. Esse processo inclui a estruturação dos campos de entrada de dados e integração de funcionalidades (picklist, tabelas de seleção, envio de arquivos digitais, etc.).

Mude para o ABCD e tenha mais facilidade no processamento técnico, além de mais agilidade na busca e recuperação de informações.

Abaixo algumas vantagens do ABCD em relação ao Winisis.

 

  • Etiquetas

No antigo CDS/ISIS a geração de etiquetas era feita por um módulo a parte ou então em algum editor de texto como o Word. Já no ABCD, o módulo de geração de etiquetas é integrado as bases e totalmente personalizável, podendo incluir imagens, cores e código de barras em qualquer tamanho e modelo de etiqueta.

Etiquetas no ABCD
Exemplo de etiqueta PIMACO 6181 com código de barras

 

  • Arquivo invertido automático

No Winisis era necessário gerar o arquivo invertido (ou atualização de dicionário) manualmente para poder pesquisar os dados cadastrados. Em seu sucessor, assim que o registro é salvo, suas informações já estão disponíveis para recuperação. Tanto na base, quanto no site de pesquisa.

 

    • Site de pesquisa

Anteriormente para a ter a base do Winisis online, era necessário desenvolver uma página de consulta. Só assim os usuários poderiam recuperar as informações e visualizá-las no site. Eventualmente, era criado um usuário específico para acessar o programa e assim utilizar o dicionário para pesquisa.

Já o ABCD vem com um módulo de pesquisa web integrado e com isso basta fornecer o endereço do site para que os usuários possam recuperar as informações em tempo real, conforme os registros são cadastrados na entrada de dados.

Leia mais sobre porque migrar em: Porque o Winisis caiu em desuso.

Saiba mais sobre o ABCD aqui: Software para bibliotecas e no site oficial da Bireme: Wiki Bireme.

Alguns exemplos de tela do ABCD: